Burmês


As primeiras referências a estes gatos encontramos nuns manuscritos dos séculos XIV e XV provenientes da antiga capital do reino de Sião, Ayuthaya. Neles vemos representados gatos que evocam ao Burmês actual.

Gato de tamanho médio, o Burmês possui um corpo longo, musculado e forte. As suas extremidades são finas, sendo mais elevadas as posteriores e terminam nuns pequenos pés de forma oval. A sua longa cauda é algo estreita. O seu longo pescoço termina numa cabeça triangular, com umas orelhas amplas, erectas e inclinadas ligeiramente para cima, terminando numa ponta arredondada e uns olhos de cor dourada.

Burmês Fotos do Burmês

O seu pêlo curto é muito suave e brilhante. Existem quatro variedades, todas elas com olhos dourados ou amarelos: o castanho, o chocolate, o lilás e o azul.

A raça Burmês é muito carinhosa e sociável. Pode ser um bom gato doméstico, ainda que necessita de algum espaço para sair, andar e satisfazer os seus instintos de caçador. Possui uma grande inteligência e aprende rápido.


Condições de uso